Domingo, 8 de Abril de 2007

Currículo

Tem havido, nos últimos dias, muito boa gente a tentar relativizar a importância de um título académico. Infelizmente, pelas piores razões. Há, porém, um meio em que essa relativização não pode nem deve ocorrer: no próprio meio académico, sobretudo ao nível das suas estruturas dirigentes.

 

Há requisitos académicos mínimos exigíveis a um reitor de uma universidade. Exige-se-lhe o título de professor catedrático. Exige-se-lhe que tenha na vida universitária a sua principal ocupação. Exige-se-lhe um percurso universitário suficientemente longo. Sendo o reitor o principal representante de uma universidade, o seu currículo deve ser um indicador do nível de qualidade e de exigência da mesma.

 

Foi nomeado um novo reitor para a Universidade Independente, certamente com o intuito de “limpar” a imagem pública desta instituição. Não discuto os méritos e a competência da pessoa em questão. Discuto o seu currículo.

 

Quando alguém que faz a sua vida numa instituição bancária chega a reitor, estamos conversados sobre o grau de exigência desta universidade. Quando alguém recém-doutorado (por uma respeitável mas pouco vetusta universidade espanhola) chega a reitor, estamos conversados sobre a qualidade média do seu corpo docente.

 

O novo reitor fará com certeza o seu melhor para tentar reabilitar a Universidade Independente. Mas o seu currículo fará certamente muito mais para a enterrar de vez.

 

publicado por Carlos Carvalho às 05:51
link | comentar | favorito

.autor

. Carlos Carvalho

. cesaredama@sapo.pt

.pesquisar

.artigos recentes

. Elites à rasca?

. Versões de Portas

. A maior de sempre?

. Fama

. Passos

. Escalões

. Obrigadinho

. Não entendo

. Coincidências

. O aleijadinho de Alijó

. Humor negro

. Calendário

. Manuais escolares em .pdf

. Guerra ao imposto

. Cuidado com os ciclistas ...

.arquivo

.sugestões

.sugestões

blogs SAPO

.subscrever feeds