Quarta-feira, 29 de Novembro de 2006

Quatro quilómetros

As Diomedes são duas pequenas ilhas situadas no meio do estreito de Bering. Como se pode ver na fotografia (retirada daqui), estas duas ilhas estão separadas por um canal com cerca de 4 km de largura. Este canal está coberto de gelo no Inverno, altura em que é possível (mas não fácil!) ir a pé de uma ilha para a outra.

 

A proximidade geográfica e a mesma etnia das populações das duas ilhas poderia levar a pensar que estas se encontram separadas apenas pelos 4 km do canal. Nada mais falso. É que há coisas que a fotografia não pode mostrar.

 

Não se pode ver na fotografia, mas, ali mesmo no meio do canal, passa a fronteira entre a Federação Russa e os Estados Unidos da América, pertencendo a grande Diomede ao primeiro país e a pequena Diomede ao segundo (deve ter sido curiosa a vida nestas ilhas durante a guerra fria!). Em consequência, cada uma das ilhas tem sistemas políticos, influências culturais, línguas oficiais e fusos horários diferentes.

 

Para além disso, este canal pode também ser considerado como a fronteira entre a Ásia e a América, o que coloca cada uma das ilhas em continentes diferentes.

 

Como se isto não bastasse, no meio do canal passa também a linha internacional da data, o que faz com que cada uma das ilhas esteja em dias diferentes. Quem estiver na grande Diomede e olhar através do canal, estará a olhar para ontem. Quem estiver na pequena Diomede e fizer o mesmo, estará a olhar para amanhã.

 

Repito: estas ilhas estão separadas por apenas quatro quilómetros. Só que estes são, provavelmente, os quatro quilómetros mais compridos do mundo…

  

tags:
publicado por Carlos Carvalho às 23:55
link do post | comentar | favorito
|

.autor

. Carlos Carvalho

. cesaredama@sapo.pt

.pesquisar

.artigos recentes

. Elites à rasca?

. Versões de Portas

. A maior de sempre?

. Fama

. Passos

. Escalões

. Obrigadinho

. Não entendo

. Coincidências

. O aleijadinho de Alijó

. Humor negro

. Calendário

. Manuais escolares em .pdf

. Guerra ao imposto

. Cuidado com os ciclistas ...

.arquivo

.sugestões

blogs SAPO

.subscrever feeds