Quarta-feira, 15 de Novembro de 2006

Três em um

Foi hoje aprovada pelo Tribunal Constitucional a pergunta sobre o aborto a ser colocada aos portugueses em referendo: "Concorda com a despenalização da interrupção voluntária da gravidez, se realizada, por opção da mulher, nas primeiras 10 semanas, em estabelecimento de saúde legalmente autorizado?"

 

Esta é uma pergunta “três em um”, que podemos desdobrar nas seguintes questões:

1. Concorda com a despenalização da interrupção voluntária da gravidez, se realizada, por opção da mulher, nas primeiras 10 semanas?

2. Concorda com a sua realização em estabelecimento de saúde legalmente autorizado?

3. (A pergunta oculta) Concorda que o Estado assuma os encargos decorrentes da sua realização?

 

Votar “sim” no referendo equivale a responder afirmativamente a todas as três perguntas. Responder “não” a uma delas implica que não possamos votar “sim” sem que estejamos a dar a nossa anuência a algo com que não concordamos.

 

Pessoalmente, respondo “sim” à primeira pergunta, “tenho dúvidas” à segunda e “não” à terceira. Como não consigo responder “sim” a tudo, tenciono votar “não” no próximo referendo.

 

tags:
publicado por Carlos Carvalho às 23:21
link do post | comentar | favorito
|

.autor

. Carlos Carvalho

. cesaredama@sapo.pt

.pesquisar

.artigos recentes

. Elites à rasca?

. Versões de Portas

. A maior de sempre?

. Fama

. Passos

. Escalões

. Obrigadinho

. Não entendo

. Coincidências

. O aleijadinho de Alijó

. Humor negro

. Calendário

. Manuais escolares em .pdf

. Guerra ao imposto

. Cuidado com os ciclistas ...

.arquivo

.sugestões

blogs SAPO

.subscrever feeds