Quinta-feira, 22 de Setembro de 2005

Militares

É verdade que os militares no activo não têm o direito de promover e de participar em manifestações. É verdade que o governo esteve bem ao fazer cumprir a lei. É igualmente verdade que a manifestação dos familiares dos militares não passou de uma habilidade para contornar a lei.


Só que o principal problema, a meu ver, não está nos militares convocarem uma manifestação que sabiam ilegal. O problema está no facto dos militares conhecerem a lei e mesmo assim estarem (quase) dispostos a violá-la.


Convém não esquecer que, para todos os efeitos, o 25 de Abril também foi um acto ilegal.

publicado por Carlos Carvalho às 19:52
link do post | comentar | favorito
|

.autor

. Carlos Carvalho

. cesaredama@sapo.pt

.pesquisar

.artigos recentes

. Elites à rasca?

. Versões de Portas

. A maior de sempre?

. Fama

. Passos

. Escalões

. Obrigadinho

. Não entendo

. Coincidências

. O aleijadinho de Alijó

. Humor negro

. Calendário

. Manuais escolares em .pdf

. Guerra ao imposto

. Cuidado com os ciclistas ...

.arquivo

.sugestões

blogs SAPO

.subscrever feeds